Sabia que eu te amo?

22:41


Incrível a forma como podemos nos entregar a uma relação ao mesmo passo que temos medo de sofrer. Aquela vozinha interior que te segura quando você está prestes a dar um grande salto, a que TENTA te proteger das ilusões e corações partidos, e te espera sempre com um “eu te disse” toda vez que você se decepciona, nos tornando covardes e criando barreiras e barreiras em torno do coração.
Até que a existência se encarrega de destinar a cada um de nós uma experiência, uma novidade, que te liberta pouco a pouco da insegurança até o ponto em que o medo de sofrer não importe mais, pois não significa mais do que as palavras, do que o carinho, a atenção, os olhares que conversam por si só, o sorriso, o perfume! Todas as barreiras são quebradas e aquele medinho vai ficando bobo, de tal forma que a única coisa que importa é estar junto.
A partir daí, cada passo no relacionamento pode ser milimetricamente planejado ou o mais inesperado possível, já que quando a gente se entrega o mundo simplesmente se colore outra vez.  Parecem existir mais estrelas no céu, cada vez que você as conta simplesmente esperando um “boa noite” que te fará sorrir durante todo o dia seguinte, é daquele beijo que você vai lembrar antes de dormir enquanto revive seus pensamentos e percebe o quanto seus dias são melhores quando tem lembranças suas, e então, você faz o outro feliz simplesmente porque te faz feliz. Aquele frio na barriga constante, que nos dá a certeza de que há um alguém logo ali que nos completa.

Mesmo depois de uma briga. A urgência do beijo de reconciliação é o melhor amparo para as lágrimas desperdiçadas. Afinal, pra que mais traiçoeiro do que o AMOR? Tanto persiste em morar em nós nos convidando para viver, e inconsequente nos leva ao auge, nos ilumina e depois se esvai, sem nunca nos abandonar por completo, deixando cicatrizes que talvez nunca sumirão, mas que não matam. Alias, se for pra morrer de amor, eu quero morrer lentamente... muitas e mais vezes! Porque não sei descrever , no mundo, sentimento mais magnifico e é embriagada de amor que eu vou estar, TODOS OS NOSSOS DIAS. 


Esse texto foi escrito por uma linda, a Tainá que acima de tudo é minha amiga. De todas a mais apaixonada e a mais dramática haha uma típica ariana, elétrica 24 horas por dia! Ela tem me ajudado bastante divulgando os posts do blog, escrevendo textos, o que por sinal ela faz muito bem. 
É por isso que agora ela é uma das colaboradoras do blog! Sei que vocês também gostam bastante dos textos dela então acho digno ela continuar dando o ar de sua graça por aqui.


Li o email que ela me mandou com o texto enquanto ouvia The Strokes:
Gostaram do post romântico em homenagem ao dia dos namorados?

You Might Also Like

0 COMENTÁRIOS

FÃ PAGE

PINTEREST